Pernambuco

  

Endereço: 

Rua Santina Gomes de Andrade, 30
Centro | CEP: 53610-270
Igarassu - PE

Contatos 

Fone: (81) 3543-3898 | Fax: (81) 3543-1882
E-mail: 
igarassu.pe@aldeiasinfantis.org.br
Para doar: doe.aldeiasinfantis.org.br/pernambuco

A experiência na comunidade favoreceu o amadurecimento de uma visão de acolhimento e atuação comunitária

O Programa iniciou suas atividades no município de Igarassu – PE a partir da doação de uma área, pela Prefeitura da cidade, para a construção do condomínio Aldeias Infantis SOS.

Inicialmente, oferecia apenas o acolhimento institucional de crianças, e teve uma peculiaridade: o atendimento começou na comunidade, pois o condomínio SOS ainda não estava construído.

O ano de 2006 foi marcado por intenso processo de articulação e mobilização do território. Todos os atores da rede socioassistencial e de direitos das crianças, jovens e adolescentes foram contados e apresentados ao Programa em processo de implantação. Com esse movimento inicia-se a cultura da atuação em rede, buscando consolidar o apoio local. Todo novo Programa baseia sua implantação na construção física e humana simultaneamente. Dessa maneira, destaca-se, nesse ano, o processo intenso de formação e desenvolvimento das equipes; fator de importância fundamental para a história do Programa.

Mude vidas!

Doe para o Programa de Pernambuco

JUNTE-SE A NÓS!

  
Em janeiro de 2007, são acolhidas as primeiras 20 crianças em casas na comunidade, já que a construção física ainda estava em andamento. Efetivar o acolhimento familiar no âmbito comunitário oportunizou o acesso a saberes que foram determinantes para o percurso a ser desenvolvido. Esse fato marcou profundamente a construção da autonomia das cuidadoras residentes e da equipe de Igarassu.

A experiência na comunidade favoreceu o amadurecimento de uma visão de acolhimento e atuação comunitária que se encontra nos princípios da Organização.

O processo de transição das famílias para as casas do condomínio foi construído de forma gradual, com intensa participação das crianças, jovens e adolescentes. Visitas regulares às obras foram realizadas, atenuando o impacto da mudança. Todos participaram ativamente da escolha das casas e da construção da ambiência, edificando assim o vínculo com as novas moradias.

A intensidade das ações de acolhimento trouxe à tona a percepção da necessidade de momentos semanais de troca e escuta. O Encontro de Formação Continuada de cuidadoras residentes foi desenvolvido como um momento para garantir essa possiblidade. Diante de muitas descobertas, visto que todas as ações eram novas para todos os envolvidos, o grupo foi construindo mecanismos de diálogo permanente. As situações vivenciadas junto às crianças eram trabalhadas em grupo, e nisso residia a base dessa metodologia: a construção do saber de respostas por meio de um processo coletivo baseado no afeto e no cuidado.

Entre 2007 e 2008, são iniciados estudos e desenvolvidas metodologias de análise dos indicadores de vulnerabilidade (mapa dos indicadores sociais), com objetivo de ampliar o território de atuação do programa, O Território do Cuidado.

“Ser líder de um programa que tem projeção no território de Pernambuco exige experiência, responsabilidade, compromisso e acima de tudo amor à causa da infância e juventude.” Afirma a gestora do programa Christiane Casal. “E durante os meus oito e poucos anos de Aldeias Infantis, aprendi que muitas vezes precisamos voltar as origens para sentir a verdadeira essência que impregnou os mais de 134 países  erguer a bandeira da proteção integral de CAJ (Crianças Adolescentes e Jovens).” completa. Christiane ainda conta que participou de muitos momentos marcantes durante todos os anos de Aldeias Infantis, que foram fundamentais para o crescimento profissional e pessoal, como “A inauguração dos Programas de Recife e Igarassu em novembro de 2007 foi muito marcante, pois consolidou a presença efetiva da organização nos respectivos municípios”.

 

Veja outros programas no Nordeste