QUEM SOMOS

A Aldeias Infantis SOS (SOS Children’s Villages) é uma organização humanitária, sem fins lucrativos, não governamental e independente, que luta pelo direito das crianças, jovens e adolescentes a viverem em família.

“Cada criança pertence a uma família e cresce com amor, respeito e segurança.”

A Aldeias Infantis SOS Brasil atua junto a crianças, jovens, adolescentes e famílias que perderam o direito ao cuidado parental ou estão em risco de perdê-lo, além de dar resposta a situações de emergência, com cuidado, proteção e carinho.
 
Fundada na Áustria, em 1949, está presente em 137 países. No Brasil, atua há 54 anos e mantém mais de 70 projetos, em 31 localidades de Norte ao Sul do país. Ao trabalhar junto com famílias em risco de se separar e fornecer cuidados alternativos para crianças e jovens que perderam o cuidado de suas famílias, a Aldeias Infantis SOS Brasil luta para que nenhuma criança tenha que crescer sozinha.
 
Nosso trabalho é realizado graças à parceria com a comunidade, outras organizações da sociedade civil e governo, e, principalmente, com o apoio regular de pessoas, empresas e fundações. São as doações que tornam possível desenvolvermos e mantermos nossos projetos em todo o País.

Hermann Gmeiner

A obra surgiu com o educador Hermann Gmeiner, em Imst, Áustria, com o objetivo inicial de acolher crianças órfãs, vítimas da II Guerra Mundial. Com o passar do tempo o campo de atuação foi ampliado, com programas para famílias, comunidades, defesa de direitos e ações voltadas à saúde e nutrição, centros educacionais e promoção de direitos das mulheres, além do auxílio em emergências. Atualmente, em 137 países e territórios, são crianças em situação de vulnerabilidade social, que perderam ou estão prestes a perder os cuidados de suas famílias.

Atuação Nacional

Desde 1967 atuamos no Brasil para que cerca de 165 mil crianças, jovens e adolescentes pudessem viver em família, com seus direitos assegurados e a possibilidade de um futuro digno.

 

São mais de 70 projetos, em 31 localidades, em 12 estados e no Distrito Federal, voltados ao fortalecimento familiar, cuidados alternativos, promoção de espaços protetores, apoio ao jovem e advocacy. Em 2020, foram mais de 14.000 pessoas atendidas diretamente em nossos programas.