31. agosto 2018

Com apoio popular e municipal, Goioerê 'abraça' imigrantes venezuelanos

Sessenta e um venezuelanos desembarcaram em Goioerê, no interior do estado, na manhã desta sexta-feira (31). A chegada ao Paraná faz parte de um processo de "interiorização" definido pelo Governo Federal, como forma de amenizar o impacto da migração a Roraima - por onde os cidadãos da Venezuela haviam entrado no Brasil. O acolhimento aos novos moradores foi definido como "histórico" pela prefeitura de Goioerê, que manifestou apoio à permanência dos venezuelanos na cidade de 30 mil habitantes.

Os imigrantes vão morar em um sítio da Aldeias Infantis SOS, uma organização que conta com apoio da Agência da ONU para refugiados (Acnur). A ideia é de que eles permaneçam naquele espaço por três meses. Após este período, a expectativa é de que os venezuelanos já tenham conquistado autonomia para se manterem por si próprios.


 

Clique aqui para ler na íntegra